24.10.16 - Notícia: Ipea destaca atuação da Anvisa em cooperação internacional

24/10/2016

Ascom/Anvisa

Pesquisa sobre a Cooperação Brasileira para o Desenvolvimento Internacional (Cobradi), realizada pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) aborda papel da Anvisa junto às agências de outros países

A Anvisa teve destaque na pesquisa sobre a Cooperação Brasileira para o Desenvolvimento Internacional (Cobradi), realizada pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea).

A Cobradi apresenta dados da cooperação internacional implementada pelo governo federal entre 2011 e 2013.

A pesquisa traz informações coletadas pelo Ipea junto a 95 diferentes instituições do governo brasileiro – ou a ele vinculadas.

De acordo com a Cobradi, a cooperação brasileira esteve presente em todos os continentes, tendo atuado em 1591 países e totalizado gastos da ordem de R$ 2,8 bilhões (equivalentes a US$ 1,5 bilhão) no período 2011-2013, destacando-se os gastos com organismos internacionais (53%).

Nos resultados deste estudo do Ipea, a cooperação brasileira em vigilância sanitária e epidemiológica foi representada pela cooperação técnica executada pela Anvisa e pela Secretaria de Vigilância em Saúde (SVS-MS).

Nos resultados já divulgados da Cobradi, a Anvisa é referida por ter contribuído para:
• estruturar a Farmacopeia Regional, em parceria com a Argentina;
• fortalecer a política de controle dos resíduos e contaminantes de alimentos, na Venezuela; e
• estruturar redes de autoridades reguladoras nacionais, em Moçambique.

Entre os eventos, ainda segundo a Cobradi, a Anvisa se fez presente em missões, workshops e seminários em 46 países e em todas as regiões do globo, implementando parte significativa da cooperação brasileira em vigilância sanitária e epidemiológica.

Sobre a Anvisa, a Cobradi, relata ainda a contribuição no fortalecimento do Centro para Controle Estatal de Medicamentos (Cecmed) – o órgão ligado à vigilância sanitária de medicamentos em Cuba e da Divisão Nacional de Vigilância Sanitária do Paraguai e a consolidação da Agência de Regulação e Supervisão de Produtos Farmacêuticos e Alimentares (Arfa), em Cabo Verde.

Saiba Mais: Cobradi