23.05.16 - Notícia: Mercado Aberto: Fila no novo governo: expectativas do setor farmacêutico

22/05/2016

Folha de S.Paulo - Jornalista: Maria Cristina Frias

A indústria farmacêutica pede o avanço de uma medida que torna o rastreamento de medicamentos mais sofisticado no país.

"Hoje temos uma rastreabilidade que não é individualizada por cada caixa. O recall funciona na maioria dos casos, mas ainda é limitado", diz Nelson Mussolini, presidente executivo do Sindusfarma.

O projeto define os prazos de implementação do Sistema de Rastreabilidade de Medicamentos. Aprovado no Senado, ele aguarda desde o ano passado a tramitação na Câmara dos Deputados.

"Com o sistema, a gente saberá exatamente com quem estará uma caixa de remédio, vai aumentar a segurança."

O setor espera que os prazos para a aprovação do sistema sejam definidos para poder programar investimentos em tempo hábil.

O QUE O SETOR QUER
Demandas das empresas de medicamentos:

- Melhora da economia

- Implementação do sistema de rastreabilidade de medicamentos

R$ 360 bilhões é o faturamento total do setor

R$ 15,3 bilhões foi o total comercializado pela indústria, de janeiro a abril deste ano

7,2% foi o aumento da produção de remédios