20.02.19 - Notícia: Oficina de Planejamento da Rota da Biodiversidade no Arranjo Ecoprodutivo Local Biriba

RedesFito em Foco - Janeiro- Fevereiro/ 2019

Durante o mês de março (26 e 27/19) mais uma etapa do Projeto Rota da Biodiversidade será concretizada. O Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR), a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) - RedesFito/Farmanguinhos e o Ministério do Meio Ambiente (MMA) realizarão a “Oficina de Planejamento da Rota da Biodiversidade no Arranjo Ecoprodutivo Local (AEPL) Biriba”. A oficina acontecerá na sede do Programa ARBORETUM, em Teixeira de Freitas, no extremo sul da Bahia. A Rota da Biodiversidade visa promover o desenvolvimento regional através da estruturação da cadeia produtiva de fitoterápicos e fitomedicamentos.

Na oficina serão discutidos pontos importantes para implantação da Rota de Biodiversidade no Polo Biriba como: a criação do comitê gestor do Polo, objetivos, metas e parceiros. Também será definido o nome do Polo e a elaboração de uma carteira de projetos que visem incrementar a cadeia produtiva de fitomedicamentos, promovendo o desenvolvimento local e regional. Participarão da oficina representantes dos ministérios envolvidos no projeto, representantes da Fiocruz/RedesFio, empresas locais, intuitos de pesquisa e comunidades tradicionais.

O Projeto Rota da Biodiversidade tem como objetivo a coordenação de ações públicas e privadas, da cadeia produtiva de plantas medicinais e fitomedicamentos através de projetos, que serão desenvolvidos, durante o ano de 2019, em Arranjos Ecoprodutivos Locais (AEPLs).

A Rota da Biodiversidade busca a produção e o desenvolvimento de fitomedicamentos. a partir dos AEPLs, previamente identificados por meio da aproximação e do envolvimento de órgãos governamentais e atores relevantes. O órgão governamental identificado como relevante para estas ações foi a Fiocruz/MS, por meio da atuação das RedesFito, com escritório no Centro de Inovação em Biodiversidade e Saúde (CIBS) de Farmanguinhos/Fiocruz.

O Instituto de Tecnologia em Fármacos-Farmanguinhos, tem a missão de atuar, como unidade técnico-científica da Fiocruz, na promoção da saúde pública, por meio da geração e difusão de conhecimentos, do ensino, da pesquisa, do desenvolvimento tecnológico e da produção de medicamentos.