10.03.17 - Notícia: Cinco dicas para prescrever suplementos e nutracêuticos

10/03/2017 

Vetor Soluções
  
Hoje, é comum encontrar gôndolas destinadas aos suplementos alimentares e nutracêuticos em farmácias. As vendas desses produtos aconteceram pelo fato de que os gestores e profissionais da área notaram que esses produtos contribuem para a melhoria da saúde e qualidade de vida da população. Além de garantirem vendas sempre altas e lucratividade maior ainda.

Podemos citar também a RDC 586/13 do Conselho Federal de Farmácia (CFF), como outro aspecto importante para a disponibilidade desses produtos em drogarias e farmácias. De acordo com a resolução que citamos, o farmacêutico pode fazer indicação correta de produtos nutracêuticos e suplementos alimentares para que eles sejam usados da maneira correta.

Mercado de suplementos

A venda de suplementos para pessoas que praticam atividades esportivas é um mercado em forte expansão, em média 25% ao ano. Segundo uma pesquisa realizada pela Associação Brasileira da Indústria de Alimentos para Fins Especiais e Congêneres (Abiad), 54% dos brasileiros tomam algum tipo de suplemento alimentar.

O estudo revelou ainda que entre os compostos mais usados estão: ômega-3, BCAA, cálcio, óleo de fígado de bacalhau, goji berry, whey protein e multivitamínicos. Para 86% dos consumidores os suplementos são utilizados como forma de melhorar a saúde e 83% afirmam ingeri-los de forma diária.

Vendas em farmácias e drogarias

Comercializar esses produtos em seu estabelecimento contribui para a melhora do tíquete médio e atrai um novo perfil de consumidores para a loja, levando ao aumento de fluxo inclusive para o setor de perfumaria, tendo em vista que o comprador de suplementos e nutracêuticos é preocupado com a aparência.

Mas para que isso aconteça é fundamental garantir um abastecimento satisfatório do seu negócio, melhorar a exposição de itens e evitar rupturas.

Prescrição na farmácia

O farmacêutico é um profissional que possui formação para prescrever este tipo de produto. No entanto, é necessário apenas entender as necessidades do cliente para fazer a melhor prescrição. São muitas pessoas com diversas necessidades que precisam comprar suplementos e nutracêuticos e cada uma delas precisa receber tratamento adequado. Separamos os consumidores em dois grupos para que você veja as formas de abordar o cliente:
Prescrição para atletas, idosos e aqueles que precisam suprir a falta de vitaminas apresentada no momento da consulta com o farmacêutico.

Orientar os pais e mulheres grávidas sobre como devem agir com relação aos suplementos prescritos por médicos.

Tendo em vista que a indústria de suplementos está investindo cada vez mais no marketing desses produtos e as pessoas estão ficando mais preocupadas com a saúde e bem-estar, a prescrição desses itens está em alta nas drogarias.

Cinco dicas para prescrever suplementos e nutracêuticos na farmácia
O farmacêutico deve se qualificar para atuar nesse mercado de maneira satisfatória e obter conhecimento avançado dos itens;
Para prescrever, o profissional precisa conversar com o consumidor para extrair dele qual a sua real necessidade;
É essencial que o profissional investigue a rotina do paciente para prescrever um produto acessível para as condições dele;
A função do farmacêutico é orientar quanto ao uso correto e instruir como deve ser o preparo de cada produto, se for preciso;
Deve-se acompanhar semanalmente a evolução de cada paciente e realizar os ajustes necessários.