09.05.17 - Notícia: Meio Ambiente discute papel das comunidades tradicionais na agrobiodiversidade

09/05/2017 

Agência Câmara Notícias

A Comissão de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável da Câmara dos Deputados promove debate hoje sobre a importância das comunidades tradicionais na proteção da agrobiodiversidade.

O deputado Nilto Tatto (PT-SP), que solicitou a audiência, destaca a necessidade de reforçar as políticas públicas que garantam a conservação da agrobiodiversidade por meio do reconhecimento e promoção das práticas tradicionais dos agricultores familiares, povos e comunidades tradicionais.

Ele lembra que a agrobiodiversidade é definida na Convenção da Diversidade Biológica como um termo amplo que inclui todos os componentes da biodiversidade relevantes para a agricultura e a alimentação, bem como todos os componentes da biodiversidade que constituem os agroecossistemas.

Convidados
Foram convidados:
- o representante da Articulação Nacional da Agroecologia, Paulo Rogério Gonçalves;
- representante do Conselho Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional;
- a pesquisadora e Coordenadora de Métodos e Análises do Departamento de Transferência de Tecnologia da Embrapa, Patrícia Goulart Bustamante;
- a antropóloga e Pesquisadora de Manejo em Roças Tradicionais, Anna Maria de Castro Andrade;
- o coordenador de Regularização de Territórios Quilombolas do Incra, Antônio Oliveira; e
- a secretária de Extrativismo e Desenvolvimento Rural Sustentável do Ministério do Meio Ambiente, Juliana Ferreira Simões.
A audiência está marcada para o plenário 8, às 14 horas.

A reunião poderá ser acompanhada ao vivo pela WebCâmara.

Da Redação - RL