08.08.18 - Notícia: Suplemento alimentar melhora desempenho nas atividades físicas

Agosto 7, 2018

Da Redação  VARIEDADES

Suplementação pode auxiliar no emagrecimento e até no aumento da massa muscular

Melhorar o desempenho nos exercícios físicos nem sempre é fácil, por isso, em alguns casos é aconselhável o uso de suplementos para complementar a alimentação e ajustar a quantidade necessária de nutrientes. Já que nem sempre é possível conseguir todos os nutrientes que o corpo precisa. É nesse momento que os suplementos alimentares entram, para auxiliar quem pratica exercícios físicos.

Mas cuidado, é comum o suplemento ser confundido com os anabolizantes e carregarem a má fama junto. Diferente dos anabolizantes, o suplemento não carrega hormônio e não é proibido pela ANVISA (Agência Nacional de Vigilância Sanitária). Neste ano ainda, adquiriu uma regulamentação própria.

“Existe uma diferença muito grande entre um suplemento alimentar e um anabolizante. O primeiro vem para tentar complementar um determinado resultado. É possível que ele possa substituir alguma classe de vitaminas que a pessoa não está conseguindo absorver apenas pela alimentação”, afirma o especialista em nutrição aplicada à atividade física pela USP, Lucas de Oliveira. O anabolizante, por outro lado, pode ser composto por inúmeras substâncias, mas geralmente contém testosterona ou outro hormônio em sua base, o que facilita o processo de armazenamento de energia e síntese de nutrientes. Mas o uso é proibido, já que pode causar riscos à saúde.

Ricardo Nakai que é educador físico e diretor de treinamentos da Akmos, empresa de produtos para bem-estar, nutrição e fitness; afirma que os suplementos de pré-treino podem ajudar a conquistar massa magra, que é a saudável. Essas vitaminas possuem substâncias termogênicas que favorecem o aumento do metabolismo e consequentemente a queima da gordura corporal. O Whey Protein ajuda na perda de peso, pois promove o controle dos níveis de açúcar no sangue e sacia a fome mais rápido do que outras proteínas.

Criador do programa Impakt 60, Nakai ensina exercícios, aliados a nutrição, suplementação alimentar, gestão de mudança de comportamento e suporte por meio de aplicativo. O educador complementa: “Os suplementos alimentares melhoram o desempenho dos atletas, principalmente porque proporcionam o ganho de energia aliado ao aumento de massa muscular e resistência. E ainda ajudam a prevenir o organismo das lesões e da fadiga muscular”.

Foi nesse projeto que a vida de Guilherme e Solange Figueiredo, de Pato Branco no Paraná, mudou. Guilherme não gostava de fazer exercícios físicos, mas o empresário afirma: “Hoje, depois de passar pelo Impakt 60 percebo o quanto a minha vida está melhor. Pratico exercícios diários e me divirto. Sem contar que olhar no espelho faz muito bem também”.

Solange chegou a perder 12 kg com o programa e sua filha 15 kg. “Me esforçava para conquistar resultados que hoje eu alcanço com apenas meia hora de exercício diário. A combinação de produtos de alta performance, atrelada às orientações de nutrição, coach e esporte do programa, nos ensinam viver bem de forma mais simples e com resultados nítidos”.

O suplemento alimentar ajuda no emagrecimento e no aumento de massa muscular, e é indicado para pessoas que não conseguem consumir toda a proteína necessária na alimentação do dia a dia. O nutricionista pode auxiliar na indicação da quantidade adequada para cada pessoa. É difícil consumir o índice correto de vitaminas durante o dia. Inclusive, o simples ato de sair na rua já consome grande quantidade das vitaminas para nos proteger da radiação e poluição.

Como afirma a nutricionista Roberta Monteiro, pós-graduada em nutrição esportiva pela Pós-Fip: “Seja atleta profissional, frequentador de academia, corredor de parque, maratonista amador: a alimentação é a principal fonte de aumento ou diminuição de desempenho da sua atividade. Existem casos que exigem um aporte maior de aminoácidos essenciais que uma dieta as vezes não consegue alcançar e seriam necessárias quantidades exorbitantes de alimentos em uma refeição ou em um dia que uma pessoa não conseguiria ingerir”.

Ricardo Nakai também lembra da importância da avaliação individual e do caso a caso: “Não adianta usar um suplemento porque o amigo usa e teve resultado. É preciso levar em consideração o ritmo de cada um, o que é feito de exercício, a alimentação e os objetivos que estão sendo buscados. A partir disso é feita a indicação suplementar. E lembrando ainda que as vitaminas não fazem o trabalho sozinhas, é preciso disciplina e foco. A alimentação equilibrada aliada aos exercícios são essenciais”, finaliza Nakai.

#atividadesfisicas#desempenhoSUPLEMENTOALIMENTAR